Lirismos de Quinta – 23/09/10

23 set

O poeta surrealista Murilo Mendes, certa vez, escreveu uns versos que merecem um acompanhamento visual. Ou dois:

Joan Miró

Soltas a sigla, o pássaro, o losango.
Também sabes deixar em liberdade
O roxo, qualquer azul e o vermelho.
Todas as cores podem aproximar-se
Quando um menino as conduz no sol
E cria a fosforescência:
A ordem que se desintegra
Forma outra ordem ajuntada
Ao real — este obscuro mito.

In: MENDES, Murilo. Antologia poética. Sel. João Cabral de Melo Neto. Introd. José Guilherme Merquior. Rio de Janeiro: Fontana; Brasília: INL, 1976


Anúncios

2 Respostas to “Lirismos de Quinta – 23/09/10”

  1. Sandra Frassetto Ramos Lopes 24/08/2012 às 23:08 #

    Olá, meu nome é Sandra sou professora de artes gostaria de saber o nome dessas obras do Joan Miró
    Obg

    • Marcela Gontijo 25/08/2012 às 22:01 #

      Olá, Sandra! O nome do primeiro quadro infelizmente não consegui encontrar para lhe informar, porém o segundo chama-se “O Galo” e é de 1940. Espero que ajude!

Deixe seu comentário indecente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: