De Bonnes Raisons x Boas Razões

19 maio

Que Les Chansons D’amour, do Cristophe Honoré, é um filme imperdível vocês já devem saber – embora o EV! nunca tenha falado sobre.  O filme é lindo de morrer em todos os aspectos, mas, para mim, o principal é a trilha sonora.

Entre as catorze músicas cantadas impecavelmente pelos atores, destaco aqui “De Bonnes Raisons”, cantada pelo Louis Garrel e pela Ludivine Sagnier.

Destaco-a porque, além de ser uma das minhas preferidas, outro dia levei um susto ao ouvir uma versão da Zélia Duncan para a música tocando no rádio. “Boas Razões” tem a letra bem parecida, o ritmo um pouco diferente e a participação da Fernanda Takai. Digo que levei um susto porque não sou muito fã da Zélia Duncan (embora adore a Fernanda) e graças também ao meu, digamos, ciúme irracional de músicas que eu gosto.

Vou colocar as duas versões aqui para vocês leitores opinarem:

Enfim, acho que é uma versão tão boa quanto “Tanto”, do Skank para “I Want You”, do Bob Dylan: são boas por se encaixarem e se manterem fiéis às letras originais, mas né, não acho que se igualem ou sejam melhores.

Anúncios

Deixe seu comentário indecente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: