Arquivo | 10:10

Lirismos de Quinta – 09/11/2011

10 nov

Um lindo poema que minha querida amiga Gabriela me mostrou e a quem dedico os Lirismos de hoje.

Emergência – Mário Quintana

Quem faz um poema abre uma janela.
Respira, tu que estás numa cela
abafada,
esse ar que entra por ela.
Por isso é que os poemas têm ritmo
– para que possas profundamente respirar.
Quem faz um poema salva um afogado.