Tag Archives: disney

Chegando onde nenhum outro carro esteve antes

30 maio

O fofíssimo filme “Carros”, da Disney Pixar Studio, tem continuação da animação lançada em 2006 prevista para o próximo dia 24 de junho. Para despertar a curiosidade, a Diney lançou o trailer do filme. E sua versão em Lego! Essa segunda é assinada por Patrick Boivin, especialista em curtas metragens e filmes do tipo stop motion. Ademais dos detalhes super bem feitos, como prédios e os movimentos, da versão de Lego, o trailer nos deixa ainda mais ansiosos para as novas aventuras de Relâmpago McQueen, Mate e seus companheiros automotivos. Assista e compare o trailer original e a versão em Lego (em inglês):

ORIGINAL (em português):

ORIGINAL (em inglês):

LEGO:

Anúncios

Remixes do coelho espacial

21 dez

“Passei tanto tempo fazendo música, que isso é tudo o que faço de minha vida agora”

Não, não estamos falando de Donnie Darko. Este post é sobre Nick Bertke, mais conhecido na internet e no universo da música eletrônica como Pogo.

Pogo é um rapaz que gosta de música e de filmes. Pogo tem um talento musical absurdo e a destreza necessária para lidar com os complicados equipamentos de mixagem. Ainda ouviremos falar muito de Pogo.

A partir de, principalmente, filmes infantis e familiares (com destaque às animações da Disney e Disney Pixar), o rapaz vem produzindo uma série de vídeos muito interessantes. Ele mescla cenas minuciosamente escolhidas de cada película às canções que produz a partir das frases e sons originais das mesmas, jogadas numa melodia bastante delicada e particular. O trabalho do cara é realmente incrível e delicioso de ouvir. Comprovem (playlist Disney):

Além desse trabalho fantástico, ele também dá o ar de sua graça a vários outros filmes (de O Jardim Secreto a Exterminador do Futuro) e ainda desenvolve outros trabalhos autorais. Para conferir a magnitude da obra deste jovem, você pode visitar seu canal no youtube ou ainda seu site pessoal, onde você pode acompanhar a trajetória de Pogo e onde estão disponíveis para donwload todas essas músicas e mais um monte (pelo preço que você quiser, inclusive de graça).

Harder, Better, Faster, Stronger

17 nov

Estreia, daqui a um mês, a sequência de Tron, o marco da tecnologia no cinema dos anos 80

Muitas das tentativas da Disney Pictures de se aproximar do mercado cinematográfico mais adulto não têm obtido muito êxito (vide A Lenda do Tesouro Perdido, Príncipe da Pérsia, etc.). No próximo dia 17, porém, haverá a estreia mundial de um longa que deve arrebanhar a parcela 30+ da população aos cinemas, bem como conquistar uma generosa quantidade de adeptos da faixa mais jovem, resultando no que pode ser uma das maiores bilheterias deste ano: Tron – O Legado.

Não é por acaso que os cinemas se encherão de marmanjos: Tron – O Legado (Tron: Legacy) é a sequência de um clássico insubstituível da ficção científica, Tron (1982), escrito e dirigido por Steven Lisberger. Esse primeiro filme é lembrado como um impacto no cinema dos anos 80, sendo um dos primeiros filmes a utilizar a computação gráfica como instrumento cinematográfico em uma escala tão ampla. O pioneirismo no mundo digital, no entanto, não poderia ser de outra forma dado o roteiro: a história de um homem que é absorvido por um programa de jogos digitais e se vê num mundo eletrônico bastante hostil. Talvez também por isso Tron tenha perpetuado na memória das pessoas: trata-se de um manifesto à inquietação da sociedade da década de 80, que via os video-games invadindo suas casas e roubando a companhia de seus filhos. O resultado da soma “computação gráfica + anos 80 + jogos digitais” resultou numa estética tão particular e tão poderosa que espalhou sua influência pelo universo do sci-fi e do design de representações eletronico-futurísticas, podendo ser apreciada até hoje em filmes como os da trilogia Matrix (1999 – 2003). Dessa forma, Tron se tornou um filme cultuado, e rendeu à Disney um bom capital ao estender a franquia aos quadrinhos e, quem diria, aos video-games.

Vê-se, portanto, a responsabilidade épica que Tron – O Legado carrega ao retomar essa preciosa herança, de forma que o título da sequência lhe cai como uma luva. Os trailers e materiais promocionais, contudo, indicam que a continuação de Tron não veio a passeio. A estética foi relida e atualizada de uma forma que considerei bastante apropriada (se não por qualquer coisa, merece ser visto pela fotografia e figurinos) e os efeitos especiais, bom, diria que espero mais desses do que vi no aclamado Avatar (que, convenhamos, consiste basicamente de efeitos especiais bacanas). Encher os olhos, porém, não basta ao um sucessor do clássico da ficção científica. Tron – O Legado precisa fazer uma boa ponte com o enredo original e resgatá-lo acrescentando-lhe um “algo mais” sem desviar do contexto do primogênito, sob pena de desagradar os fâs, o acidente mais comum em situações como essa.

Finalmente, expliquemos o título do post. Um deleite à parte da continuação é a especialíssima participação da dupla de música eletrônica Daft Punk (que, confesso, me motivou um bocado à expectativa pelo filme). A Disney já soltou, inclusive, um pseudo-clipe/pequeno trailer da música Derezzed, que figurará na trilha sonora a ser lançada em 07/12/10 (merece ser visto em alta definição):

Steven Lisberger retorna à sequência no papel de produtor e faz até uma ponta no longa, que tem sua estreia mundial a 17/12/10, enquanto a direção fica a cargo do estreante Joseph Kosinski. Aguardemos.

 

Artes conceituais dos clássicos Disney

9 ago

Para quem é apaixonado pelos filmes Disney, esta é uma boa dica. Mas para quem estuda animação e gosta de apreciar todas as etapas da produção de um filme de qualidade, como eu, esta dica é fantástica. O site The Art of Disney Animation (que, apesar do nome em  inglês, é francês) traz centenas de artes conceituais, esboços, desenvolvimento de personagens e estudos de cores e cenários de todas as animações Disney, além de artigos ilustrados sobre vários artistas do estúdio e curtas feitos pela casa do Mickey. As imagens são um verdadeiro deleite para os olhos. Aqui vão artes conceituais de alguns dos meus favoritos Disney.

A Princesa e o Sapo

101 Dálmatas

Peter Pan

Lilo & Stitch

Hércules